Paraíba
Governo da Paraíba lança Portal da Cidadania com diversos serviços para a população

Publicado em 30/01/2018 03:45 Atualizado em 30/01/2018 20:12

Reprodução

O Governo do Estado, por meio da Companhia de Processamento de Dados da Paraíba (Codata), lançou, nesta segunda-feira (29), o Portal da Cidadania, que disponibiliza vários serviços para facilitar a vida da população. Na página portaldacidadania.pb.gov.br é possível encontrar ícones relacionados à Mobilidade, Segurança Pública, Governo, Cultura, Esporte, Saúde, Meio Ambiente, Ouvidoria, Utilidade Pública, Guias de Pagamento, Turismo, Concursos, entre outros.

Leia mais notícias no Portal Araruna Online

O Portal da Cidadania é mais uma ação do Governo que objetiva reunir e integrar em um único ambiente os diversos serviços que os órgãos do Estado oferecem. Por meio dele, será possível fazer pagamentos de guias do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), realizar o agendamento para a emissão do documento de Identidade, também para renovação da carteira de habilitação, visualizar os preços ofertados nos postos de combustíveis, verificar as seleções ou concursos abertos, além de outros serviços.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O presidente da Codata, Krol Jânio, destacou que no portal também haverá um recurso chamado Celular Seguro, no qual a população poderá cadastrar o aparelho e informar caso haja a perda ou roubo. “No momento que a pessoa tiver seu aparelho roubado, informará no aplicativo, então a polícia ficará ciente e terá um banco de dados que acompanhará os dispositivos que estão com algum tipo de ocorrência. Dessa forma, acreditamos que haverá uma diminuição das ocorrências, porque ninguém vai querer comprar um celular que esteja cadastrado como roubado”, avaliou.

Orçamento Democrático – Por meio do Portal da Cidadania, também será possível a participação digital da população no Orçamento Democrático Estadual 2018. Para isto, basta que o cidadão clique no ícone relativo ao assunto, se cadastre e vote nas prioridades de cada região. Dessa forma, mesmo que o cidadão não possa estar presente nas audiências, ele poderá votar de forma digital e assim fazer parte do processo de escolha das demandas de sua localidade.

Krol Jânio explicou que, antes, para participar do Orçamento Democrático, as pessoas tinham que preencher uma ficha manual e depois os dados seriam tratados pelo Governo. Este ano, a população vai poder concretizar a participação direto do seu dispositivo móvel, seja celular, computador ou outro tipo.

“O cidadão só precisa baixar um aplicativo e dentro desse ambiente ele vai poder elencar as prioridades e enviar a informação. No término da audiência já teremos os dados dos participantes presenciais e daqueles que estão participando pela web, de onde quer que estejam. Isso vai facilitar e expandir a participação popular nas plenárias”, finalizou Krol.

Curta a fanpage do Araruna Online no Facebook e receba as últimas notícias   

Siga também o Araruna Online no Twitter , Google+ e por RSS.

Fonte: SECOM-PB


Postado por Redação

Publicidade

©Copyright 2007-2017 Todos os direitos reservados

ArarunaOnline.com