Esporte
Fluminense demite Roger após eliminação na Libertadores

Publicado em 21/08/2021 14:52

Reprodução

A eliminação nas quartas de final da Libertadores, diante do Barcelona de Guaiaquil, foi o último ato de Roger Machado à frente do Fluminense. O técnico de 46 anos deixa o clube após decisão do presidente Mário Bittencourt e do diretor de futebol, Paulo Angioni. O anúncio foi feito neste sábado, 21.

O auxiliar permanente Marcão comandará a equipe contra o Atlético-MG, nesta segunda-feira. Ainda não há definição se o tricolor irá atrás de um treinador ou manterá o ex-volante como até o fim do ano.

Roger Machado foi contratado pelo Fluminense em fevereiro de 2021 e substituiu o auxiliar-permanente Marcão. Ele deixa o tricolor com 52% de aproveitamento e 44 jogos, onde somou 19 vitórias, 12 empates e 13 derrotas. O treinador foi vice-campeão do Carioca, eliminado nas quartas de final da Libertadores e está nas quartas da Copa do Brasil. Além disso, ocupa a 15ª colocação do Brasileiro, com 17 pontos.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

O treinador vivia o período de maior pressão desde que chegou ao Fluminense. Apesar de blindado das críticas externas até então, a queda na Libertadores o fez ser constestado internamente. Houve críticas sobre a queda de desempenho da equipe e também quem não acreditasse que o elenco iria evoluir nas mãos do gaúcho de 46 anos.


Postado por Redação

©Copyright 2007-2021 Todos os direitos reservados

ArarunaOnline.com