Publicidade
Política /
Postado em 20-04-2017 às 08:31
Aguinaldo diz que reforma trabalhista recuperará geração de empregos

O requerimento de urgência para acelerar a votação da reforma trabalhista foi aprovado nesta quarta-feira (19), na Câmara Federal. O placar teve 287 votos favoráveis, 144 contrários e 13 obstruções.

Com a aprovação da urgência, o projeto poderá ser votado mais rapidamente na comissão especial e, assim, ficar liberado para ser analisado em plenário.

De acordo com o líder do governo na Câmara, deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), a legislação trabalhista brasileira não condiz com a economia globalizada existente no país, o que gera atraso e obstrui a geração de emprego.

"Nesse momento é preciso que a política e os políticos tenham responsabilidade com o país. A reforma trabalhista é necessária pois nós temos uma legislação trabalhista atrasada, uma legislação que não condiz com o resto do mundo, nós vivemos uma economia globalizada e temos no Brasil uma legislação que atrasa o empregado e atrasa o empresário e por causa dessa legislação não se gera emprego no nosso país. Essa reforma é um mister e tem a obrigação de fazer com que nós possamos ter aqui a possibilidade de gerar competitividade" pontuou Aguinaldo em pronunciamento no plenário.

Publicidade

Publicidade

Por: PB Agora
Compartilhe:
Comentários ()
Twitter #ararunaonline
ArarunaOnline.com - Copyright © 2007-2017.
Todos os direitos reservados.
Contato | Quem somos | Termos de Uso
-->