Publicidade
Nice Almeida /
Postado em 17-02-2014 às 12:41
A burocracia acabou rápido

Havia alguns meses que eles estavam ali, inertes. As dezenas de ônibus escolares, pelo menos 162, ‘guardados’ em um pátio do governo do estado, em João Pessoa, não era novidade para quem passava por ali todos os dias, ou para quem mora nas proximidades do local. Um dia alguém conseguiu ‘descobrir a roda’ e denunciou o fato, que ganhou uma grande repercussão na imprensa.

Curta a fanpage do Araruna Online no Facebook e receba as últimas notícias

Após o bafafá feito no jornalismo paraibano a respeito do caso, a secretária de Educação, Márcia Lucena, explicou que os veículos tiveram que passar por procedimentos legais para entrar em circulação e que a secretaria tinha concluído esses processos burocráticos havia poucos dias.

Coincidência, ou não, logo que as imagens daqueles ônibus escolares parados no pátio da Cagepa ganharam o estado, a burocracia acabou. Nada mais havia que impedisse a entrega dos veículos aos municípios que têm o direito de recebê-los.

Nesta segunda-feira (17) um evento no Palácio da Redenção marcou a entrega dos 162 ônibus que estavam há, pelo menos, três meses debaixo de sol e chuva e parados. Foi rápido, foi bem rápido o fim da burocracia depois que a imprensa revelou que eles estavam ali, mas não estavam sendo utilizados como deveriam.

Enquanto isso, por mais absurdo que pareça, já no 14º ano do século XXI, acreditem, há sim alunos que são transportados para as escolas da forma mais arriscada possível, em carros com péssimo estado de conservação, quando não em caminhões pau-de-arara. Muitos se arriscam em caminhonetes apertadas e sem a menor segurança na busca por uma educação que os levem a uma mudança de vida no futuro.

Além dessa situação, há também quem já tenha recebido ônibus escolares novos em suas cidades, mas nunca tenha desfrutado dele simplesmente porque o prefeito local, ou o responsável pelo setor de transporte do município, ache mais interessante usar o veículo para outras tarefas, do tipo levar pessoas à praia ou pacientes para hospitais, num descarado desvio de função dos carros. Para esses casos não há burocracia e pior, não há fiscalização.

Se na sua cidade acontece algo assim não tenha medo, denuncie. Ônibus escolares são entregues aos municípios pelo governo federal para transportar estudantes, não para serem utilizados em outras ‘missões’ e nem muito menos para ficarem parados se deteriorando em uma garagem estadual.

 

Nice Almeida
Jornalista - DRT 2660

Por: Nice Almeida
Compartilhe:
Comentários ()
Twitter #ararunaonline
ArarunaOnline.com - Copyright © 2007-2017.
Todos os direitos reservados.
Contato | Quem somos | Termos de Uso
-->